Integração via APIs: inovação com pegada ágil, simples e prática

Integração via APIs: inovação com pegada ágil, simples e prática

Novembro de 2021Com o dinamismo que as novas tecnologias vêm proporcionando ao mercado, as empresas buscam cada vez mais melhorar a produtividade, a experiencia e o time-to-market de produtos e serviços. Um ponto importante nessa busca é o fator agilidade somada à inovação e, nesse quesito, a integração via API (em português, Interface de Programação de Aplicativos) se torna uma importante aliada, uma vez que seu conjunto de rotinas e normas de programação possibilita a comunicação entre diferentes plataformas, oferecendo mais segurança e praticidade na integração de parceiros e clientes. 

Esses padrões mantidos na API contribuem para a entrega de produtos cada vez mais ricos para os usuários, como por exemplo, a criação de aplicativos e demais plataformas de uma maneira mais ágil e simples. No quesito integração, há facilidade ao conectar dois ou mais aplicativos para interagirem entre si, tornando as conexões on-lines diversificadas e necessárias. Entre as muitas funcionalidades, podemos citar as plataformas que se conectam com um site externo, como o Google ou portais de pesquisas de viagem; os pagamentos on-line via Mercado Pago e PicPay, por exemplo; as mensagens instantâneas por chatbots e WhatsApp integrado com e-commerce e o compartilhamento entre redes sociais. 

Assim como as diversas funcionalidades com APIs contribuem para a melhor experiência dos usuários, os benefícios também se estendem às empresas que se utilizam da integração desses dados. Grandes empresas estão conseguindo escalar e criar modelos de negócios, além de ampliar o leque de produtos e serviços, ou seja, estão otimizando o modo como se relacionam com os parceiros e, ao mesmo tempo, ampliando seu market share por meio da capitalização daquilo que não faz parte do seu negócio. Ou seja, ganha a empresa, ganha o parceiro e ganha o consumidor, que passa a acessar um leque de produtos ou serviços a partir de uma mesma plataforma.  

Um exemplo prático acontece quando uma empresa de telecom, que vende celulares, abre suas APIs para uma seguradora. Numa mesma plataforma, o cliente compra um aparelho mais o seguro. Neste cenário, a empresa de ttelecom amplia sua oferta e, consequentemente sua capitalização, ganhando assim, uma fatia da transação de seguros. Em contrapartida, a seguradora tem acesso a todos os clientes da tTelecom, ampliando suas possibilidades de vendas.  

Quando avaliamos a questão da gestão, de maneira macro, a integração em um mesmo ambiente beneficia amplamente as atividades e a produtividade das empresas, visto que, em vez de lidar com diversos sistemas, cada um com parâmetros específicos, será possível controlá-los e acessá-los em um único lugar. Já numa visão mais detalhada, também há vantagens ao lidar com dados que trafegam em ambientes integrados.  

Outro ponto positivo do uso dessa tecnologia é o aumento da segurança das informações devido aos padrões e à sua estrutura, que possibilitam uma troca de dados com o máximo de segurança. Além desses benefícios, as APIs proporcionam redução de custos, pois eliminam a necessidade de desenvolver todas as aplicações do zero e criar as funcionalidades pertinentes à proposta do projeto e integrá-las, sem contar na contribuição para uma gestão otimizada, o que proporciona uma comunicação clara entre os sistemas. 

A integração via APIs tem sido fundamental na construção de plataformas robustas, capazes de atender as exigências dos consumidores com suas diversas funcionalidades. Inovar com agilidade, ampliar os serviços sem ter a necessidade de criar uma plataforma do zero e ainda com gastos enxutos e maior eficiência deixou de ser apenas uma tendência e se transformou em um conjunto de definições e protocolos que vieram para ficar. 

 *Rafael Lategahn é diretor da área Digital Business da Engineering, companhia e consultoria global de Tecnologia da Informação especializada em Transformação Digital. 

Veículo Portal Channel 360°: https://bit.ly/artigo_integracao_via_apis

Compartilhe:

VOLTAR